Comportamento Tecnologia
08 de dezembro de 2010 por marimessias

Enquanto isso…

Criado em 2006 e tocando o horror sempre que possível, a Wikileaks finalmente conseguiu a atenção devida nos últimos dias com informações secretas de embaixadas e do governo estadunidense.

O Twitter oficial da Wikileaks e  Guardian fazem cobertura diária sobre o tema. Uma maneira divertida de ler toda essa informação é o Cable Roulette, do The Atlantic. Além disso, pensadores do porte do Umberto Eco escreveram sobre tema:

How can a power hold up if it can’t even keep its own secrets anymore? It is true, as Georg Simmel once remarked, that a real secret is an empty secret (which can never be unearthed); it is also true that anything known about Berlusconi or Merkel’s character is essentially an empty secret, a secret without a secret, because it’s public domain. But to actually reveal, as WikiLeaks has done, that Hillary Clinton’s secrets were empty secrets amounts to taking away all her power. WikiLeaks didn’t do any harm to Sarkozy or Merkel, but did irreparable damage to Clinton and Obama.

O bafo foi tamanho que a Amazon baniu o site dos seus servidores, o Twitter tem sido acusado de censurar o debate sobre o assunto não colocando nenhum TT relacionado. Além disso, sites como Paypal também anunciaram que não aceitariam mais doações feitas ao Wikileaks.

Tudo isso gerou respostas do próprio site e dos usuários. Depois do banimento da Amazon, a Wikileaks pediu por seu twitter oficial que os usuários os ajudassem criando mirrors, que já ultrapassam os mil e duzentos.

O site atual está hospedado na Suíça: http://wikileaks.ch/

E tudo só aumentou de tamanho depois da prisão de Julian Assange, editor e cara da Wikileaks. Todas as ações online nem caberiam nesse post, mas algumas, como tweets de apoio, o ataque ao site da Mastercard, e atividade online e offline massiva e ininterrupta deixam ver que esse é um evento realmente importante para a web.

Outra coisa que me faz pensar é que esse foi um período de prisões que esperam ditar o futuro da internet. Será que vão?

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=HNOnvp5t7Do]

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>