Design Nada a Ver Ponto e Vírgula
04 de julho de 2011 por marimessias

A vida é sonho

Fun Theory foi uma iniciativa da Volkswagen defendendo a idéia de que tornar as coisas divertidas é a maneira mais simples de mudar comportamentos para melhor.

Partindo desta idéia, várias cidades do mundo estão incentivando, de maneira divertida, a retomada de seus espaços públicos.

Buscando torná-lo realmente representativo nas artes e no entretenimento, Montreal está reformando seu bairro Quartier des Spectacles. Na tentativa de engajar os moradores a darem sua opinião, sonhos e desejos sobre os futuros do bairro, foi criada a instalação Musée des Possibles (Museu das Possibilidades), uma espécie de versão ao vivo da Give a Minute. Todas estas idéias ficaram expostas ao público, coladas em centenas de balões coloridos. Os favoritos foram escolhidos coletivamente através de pequenos adesivos colados em cada idéia.


Em Helsinki, uma colaboração de cinco estudantes de design, propôs instalações públicas que transformem paradas de ônibus em brincadeiras multi-sensoriais.  A idéia é realizar o Urban Play durante 2012, no World Design Capital e incentivar contato entre desconhecidos.

Criado em 2008, Play Me, I’m Yours ja percorreu mais de 20 cidades do mundo inteiro, incluindo São Paulo.  Segundo seu criador, Luke Jerram, o projeto parte do pressuposto que pianos colocados em vias públicas mudam o comportamento padrão das pessoas:

The idea for Play Me, I’m yours came from visiting my local launderette. I saw the same people there each weekend and yet no one talked to one another. I suddenly realised that within a city, there must be hundreds of these invisible communities, regularly spending time with one another in silence. Placing a piano into the space was my solution to this problem, acting as a catalyst for conversation and changing the dynamics of a space.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>