Arte Ponto e Vírgula
01 de agosto de 2011 por marimessias

The Theatre Bizarre

O Theatre du Grand Guignol, ou só Grand Guignol, foi um teatro parisiense especializado em shows de horror naturalista. Entre 1897 e 1962 ele fez grande sucesso e marcou de forma definitiva o gênero. Uma das provas disso é que seu nome virou termo para definir um tipo de entretenimento macabro que é o exato oposto do que o Aristóteles dizia que teatro deveria ser:  muito visual. Pra reforçar a vibe, o espaço do teatro já tinha sido uma igreja e as cabines de ingressos eram confessionários.

E vocês ficam vendo Rocky Horror Picture Show de batom e achando que tão inovando, ein.

Provando que Paris era, de fato, uma festa macabra, na mesma época e no mesmo bairro, existia ainda o Le Café de L’Enfer. Como o nome indica, um café temático do, bom, dos círculos que o Dante nos contou. Já na porta, os visitantes eram recebidos pelo Coisa Ruim himself, que os convidava para entrar nas profundezas da casa e bater um rango, com dizeres: bem vindos e amaldiçoados sejam.

Inspirado por essa estética, The Theatre Bizarre é uma antologia de seis filmes de terror, todos com o mesmo cenário, o mesmo orçamento e total liberdade de criação pros diretores. Os filmes tem no elenco grandes nomes do terror, que vocês podem reconhecer pelo trailer abaixo. Os diretores, não menos foda, são Richard Stanley, Tom Savini, Buddy Giovinazzo, Karim Hussain, Douglas Buck e David Gregory.

Uma curiosidade legal é que Theatre Bizarre também é o nome de uma das maiores festa de halloween americana, que rolava em uma região abandonada de Detroit.

De toda forma, quem quiser se aprofundar no lado negro da cidade das luzes nos dias de hoje pode recorrer ao Paris Ghost & Mystery Tour, ler um dos milhões de livros e/ou o site em homenagem ao Grand Guignol ou, ainda, aprender com Une Saison En Enfer que o inferno não atinge os pagãos.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>