Arte
17 de fevereiro de 2012 por Vinicius Perez

China em dobro

Já viram o trailer do Never Sorry, documentário sobre o Ai Weiwei? Por dois anos, o jornalista Klayman acompanhou o artista chinês em preparações para exibições em museus, visitas familiares e método criativo.

Ainda na China, existe um lance chamado (em tradução livre) de “caligrafía de água”, onde senhores seguram pincéis gigantes com as pontas molhadas de água e escrevem mensagens no chão. O estudante Nicholas Hanna decidiu fazer uma máquina que fizesse o mesmo, metade triciclo metade computador, uma “versão ocidental da tradição oriental”, disse ele:

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>