Nada a Ver Tops
16 de maio de 2012 por Desirée Marantes

A maior fraude de todos os tempos

Particularmente sou uma boa bebedora de cervejas, não entendo bulhufas de vinho (na adolescência meu critério para compra de uma garrafa era: quanto maior a graduação alcóolica melhor, hoje está mais para “o rótulo mais bonito que tenha um preço entre 20 a 30 reais”.) Independente disso, uma matéria cujo subtítulo é “the biggest hoax in history” me fez prestar atenção e descobrir uma daqueles causos que dá pra comentar em qualquer situação social que sempre vai render uns bônus points de charisma.

Rudy Kurniawan ou Dr. Conti, como ficou conhecido no meio de colecionadores/apreciadores de vinho, teve uma ascensão meteórica dentro desse meio. Em pouco mais de dois anos, de totalmente desconhecido, passou a ser considerado uma referência de paladar apurado e coleção recheadíssima de garrafas tão raras quanto um tigre siberiano com textura de purpurina. Bom demais para ser verdade, muitos pensaram, e realmente era, só que por bastante tempo alguns dos maiores colecionadores de vinho do mundo pensaram estar frente a frente com alguém com faro especial para descobrir raridades e no final das contas, depois de 2 leilões lendários onde Rudy vendeu lotes das suas “raridades” e recebeu cerca de 35 milhões de dólares, descobriram que ele era um baita falsificador.

 

 

About Desirée Marantes

Unicorn-in-chief

Um comentário para A maior fraude de todos os tempos

  1. Pingback: A maior fraude de todos os tempos | Ponto Eletrônico | Info Brasil

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>